segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Assunto para muita discussão

Veja os temas que estamos inserindo em nosso Grupo LinkedIn Andragogia Corporativa e venha discutir conosco trocando experiências sobre treinamentos corporativos.
Veja os temas

1."Cases"
Alguns estudiosos consideram impróprio o uso de “estudo de casos” em treinamentos corporativos, quando os participantes ainda precisam se aprofundar nos conhecimentos da matéria. Qual a sua opinião?
2.Dinâmicas de Grupo
A prática de dinâmicas de grupo em treinamentos corporativos tem sido muito utilizada, mas, ao mesmo tempo, seu uso indiscriminado, descuidado e demasiado tem sido alvo de crítica de muitos estudiosos.
Como devemos encarar esta situação?
3.Motivação
Quais os fatores que mais contribuem para “distrações” e “ausências” nos treinamentos corporativos presenciais?
4."Perfis"
Alguns treinamentos simplesmente não funcionam e os conceitos não são refletidos na prática corporativa. Muitos creditam o fracasso de tais treinamentos, em parte, ao fato das turmas serem montadas por colaboradores com diferentes perfis. Isto sendo verdadeiro, como nós poderemos reduzir o risco deste fracasso?
5.“E-learning” - uma revolução silenciosa em treinamentos corporativos
Em 2009, as estatísticas mostraram que R$ 1,00 em cada 4,00 R$ investidos no Brasil em treinamento nas empresas foi destinado para a educação á distância. Você acredita que o profissional pode ganhar com esta modalidade de ensino? Você acredita que as empresas podem ter ganhos reais com o ensino à distância? Você acredita que o percentual de investimento em EaD no Braisl, atualmente, pode ser maior do que em 2009?
6.Técnicas de sensibilização
São muitas as técnicas de sensibilização de grupos de adultos, empregadas em treinamentos de adultos. A dificuldade aumenta, no entanto, quando temos de realizar - por caráter compulsório - treinamentos cíclicos de mesmo conteúdo. Difícil?
7.“O que eu ganho com isso?”
Para os acionistas, para os gestores e até para muitos instrutores de treinamentos, os benefícios destes mesmos treinamentos devem estar bem definidos para eles, sob pena de tais eventos não ocorrerem. Fácil de entender: quando as empresas não vislumbram as vantagens de um curso, ela não o promove ou financia; certo?
E para os colaboradores que estão presentes, já instalados na sala e aguardando você iniciar o treinamento? Você não acha que mentalmente, muitos não estejam fazendo esta pergunta?
8.A "magia" está na forma de treinar...
Filme: As Minhocas
Ao entender de maneira madura os benefícios de determinadas políticas e procedimentos o indivíduo não só deixa de reagir a eles como os segue de maneira consciente e exemplar. A “magia” está na forma de treinar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário